25 de outubro de 2020

RACING BRASIL

Tudo sobre automobilismo

Com uma vitória na corrida do sábado e um terceiro lugar na corrida de domingo, Mick Schumacher, filho do heptacampeão mundial de F1 Michael Schumacher, aumentou a diferença entre ele e o segundo colocado Callum Ilott na classificação geral da temporada 2020 da F2.

Agora, 22 pontos separam o primeiro (Mick) do segundo colocado (Callum) e 44 pontos para o terceiro colocado Yuki Tsunoda. Faltando, ainda, 96 pontos a serem disputados, nove pilotos ainda estão na disputa pelo título.

Mick causou polêmica na semana passada ao declarar que pretende bater todos os recordes do pai (Michael Schumacher) na Fórmula 1. Uma ousadia vista por alguns como boa, que traça um objetivo a ser alcançado; e por outros ruim, o que demonstra arrogância demais para um jovem piloto.

Mick luta por uma vaga no grid da F1 para 2022. Talento ela já demonstrou que tem e traz no DNA as características do pai, heptacampeão mundial.

%d blogueiros gostam disto: