25 de outubro de 2020

RACING BRASIL

Tudo sobre automobilismo

Há menos de 24 horas de sua estreia na Fórmula 1, que acontecerá durante o primeiro treino livre para o GP de Eifel, em Nurburgring – Alemanha – Mick Schumacher recebe, publicamente, o apoio de Sebastian Vettel.

Segundo o tetracampeão, que no próximo ano estará correndo pela Aston Mrtin, “Mick irá percorrer um longo caminho.”

Membro da Academia Ferrari, Mick Schumacher é o atual líder do campeonato de Fórmula 2 e briga por uma vaga na F1 para a próxima temporada. Assim como Vettel admirava seu pai, sete vezes campeão mundial, o jovem de 21 anos já havia falado muito bem sobre o impacto de Vettel sobre ele.

“…acho que [Mick] merece sua chance neste fim de semana e espero que não o vejamos apenas amanhã, mas espero que outra sexta-feira este ano, e então esperançosamente no carro em um assento de corrida no próximo ano. Acho que é isso que desejo para ele. “ – disse Vettel.

“Ele está tendo uma ótima temporada, está liderando o Campeonato de Fórmula 2 e, como eu disse, espero que ele sele a vaga para o próximo ano. Eu acho que ele é um ótimo garoto e eu realmente gosto dele e tenho certeza que ele irá percorrer um longo caminho e se dar bem. É provavelmente uma espécie de pontapé inicial para ele. ” – completou o tetracampeão.

Charles LeClerc, percorreu um caminho parecido, também como piloto da Academia Ferrari. Charles estreou na F1 em 2016 pilotando uma Haas, cliente Ferrari naquele ano, durante o FP1 em Silverstone.

“Bem, olhando as condições neste fim de semana, provavelmente não é a estreia mais fácil, mas falando com ele, acho que toda vez que ele experimentou um carro de Fórmula 1 ou um carro novo, estava sempre na chuva, então isso não muda muito para ele, ”“Vai ser uma sessão complicada, mas ele não tem que provar nada. Acho que ele provou tudo o que pode na Fórmula 2 nesta temporada e tenho certeza que ele fará um ótimo trabalho amanhã. ” – Disse Leclerc.

Mick é um forte candidato para uma vaga na Alfa Romeo na temporada 2021. Ironia do destino ou não, o jovem estreará no carro de Antonio Giovinazzi, o qual poderá substituir no próximo ano.

A Alfa Romeo não confirma a notícia, mas é bem possível que a dupla de pilotos para a próxima temporada seja composta por Mick Schumacher e Kimi Raikkonen.

%d blogueiros gostam disto: