28 de outubro de 2020

RACING BRASIL

Tudo sobre automobilismo

O GP de Portugal, programado para acontecer em Portimão no final de semana de 23 à 25 de outubro, pode estar ameaçado de não acontecer em virtude da segunda onda pandêmica que atinge a Europa.

Desde a 0:00 hora desta quinta-feira (15/10) Portugal entrou em estado de contingência, decretando situação de calamidade no país, e passará a adotar medidas mais rígidas em todo o território português.

Entre as medidas anunciadas estão o uso obrigatório de máscaras em vias públicas e limitação de aglomerações de, no máximo, 5 pessoas em locais fechados (lojas e restaurantes) ou abertos (ruas).

Segundo o primeiro-ministro português António Costa em toda a Europa se tem verificado um agravamento progressivo e consistente da pandemia de Covid-19 desde meados de agosto. “Infelizmente, Portugal não é exceção e podemos classificar evolução como uma evolução grave”, disse.

As novas medidas que começam a valer a partir de hoje (15) são válidas por 15 dias e, se não surtirem o efeito desejado, podem ser ainda mais endurecidas.

Toda essa situação de agravamento da pandemia e o endurecimento nas regras de distanciamento social podem vir a inviabilizar a realização do GP de Portugal.

Toda a Europa tem visto o agravamento da pandemia de Covid-19. A França voltou a decretar estado de emergência e pode impor toque de recolher em algumas cidades do país. A Inglaterra vem enfrentando o mesmo problema e tem endurecido, a cada dia, as medidas de restrições.

A preocupação, agora, é com o alto índice de contágio entre os mais jovens que, embora a grande maioria apresente sintomas leves, acabam levando o vírus para a população mais idosa.

Os índices de mortalidade ainda permanecem baixos mas a taxa de infectados tem alcançado números altos e, em alguns países, já ultrapassou os índices registrados no primeiro pico, em meados de março.

Com os números crescendo a cada dia, outro GP que pode sofrer mudança ou cancelamento é o GP da Emília Romagna que está programado para o dia 01 de novembro.

%d blogueiros gostam disto: