Andrea D’Ival faz declaração em defesa de Mazepin

Em sua rede social, Andrea D’Ival, a jovem que aparece no vídeo de suposto assédio sexual, saiu em defesa do piloto Nikita Mazepin. Andrea disse que ambos são amigos e que tudo não passou de uma brincadeira.

“Oi pessoal, só queria dizer a todos que Nikita e eu somos bons amigos há muito tempo e nada daquele vídeo foi sério. Confiamos um no outro e aquilo foi uma piada boba entre nós. Eu publiquei esse vídeo em seu perfil como uma piada interna. Peço desculpas. Dou minha palavra de que ele é uma boa pessoa e não faria nada para me machucar ou me humilhar”.

Independente da declaração do piloto e de Andrea, o vídeo gerou revolta por todo o mundo e, nem mesmo os pedidos de desculpas e explicações de ambos os envolvidos foram capaz de acalmar os ânimos nas redes sociais.

Sem fazer qualquer juízo de causa, o fato é que a Haas, futura equipe de Mazepin na F1, ainda irá avaliar a atitude e a repercussão negativa gerada pelo vídeo postado e, em seguida, retirado das redes sociais.

Nikita tem um histórico complicado de polêmicas dentro das pistas. No último final de semana, no GP do Sakhir de F2, o piloto foi punido por jogar Felipe Drugovich e Guanuy Zhou contra o muro, o que poderia ter causado um sério acidente durante a prova. O russo sofreu duas penalizações de cinco segundos cada, perdendo o pódio conquistado no sábado e terminou o ano com 11 pontos na carteira. Se receber mais 1 ponto em Abu Dhabi Nikita não poderá correr a prova de abertura da F1, em Melbourne, na Austrália.

Agora, o futuro do russo está nas mãos da Haas que deverá decidir o quanto a imagem da equipe e dos seus patrocinadores pode ter sido “arranhada” com a divulgação do vídeo.


Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: